Acesso à informação

Serviços  

   

Artigos e Publicações  

   

Artigos

Comunidade rural começa arborização e expande ao setor urbano

Detalhes

A comunidade rural de Bom Jesus no município de Campo Grande - Apodi/RN está desenvolvendo um trabalho de arborização, numa ação desenvolvida pelo Projeto Dom Helder Câmara em parceria com entidades locais.


Segundo a assessoria de comunicação do Projeto Dom Helder Câmara, na comunidade, o projeto foi lançado no último dia 28 de março, quando foram distribuídas 150 mudas para 150 casas, contando com a mobilização de 90 famílias do local, que receberam assessoria técnica e ajudaram no processo, tanto enchendo saquinhos, quanto na distribuição das mudas.


A iniciativa, informou, partiu do Núcleo Sertão em parceira com o Projeto Dom Helder Camara, JUFLAC (Campo Grande), JUCEP (comunidade Morcego) e JOCAP (comunidade Bom Jesus), que promoveram um evento de inauguração. “A programação começou com a distribuição e o plantio das mudas de sombreamento, seguindo com uma palestra sobre o meio ambiente, a partir da Campanha da Fraternidade 2007, que trata da Amazônia e, por fim com a distribuição de lanches produzidos a partir das frutas da região”, justifica.


Para a técnica do Núcleo Sertão Verde, Lília Holanda, a comunidade provou que é organizada, quando se empenhou e se envolveu no processo de preparação das mudas e irrigação das plantinhas, mostrando que quando a comunidade se organiza é possível resolver os problemas com poucos investimentos e muita vontade, estando os parceiros e beneficiários, de parabéns.


A assessoria do PDHC informou que na opinião dos componentes da JUFLAC, é preciso fazer uma comparação da situação de devastação da Amazônia com a realidade em que vivem e para o integrante da igreja e do JUFLAC, Laécio Vieira, a comunidade tem que se integrar nos projetos sustentáveis e plantar árvores, não desmatando e não queimando a vegetação já existente.


Segundo a assessoria daquela entidade do MDA, a meta do projeto é de se expandir para toda zona urbana do município de Campo Grande, a partir de uma parceria que será feita com a EMATER RN e que, segundo os idealizadores do Projeto de Arborização, toda a cidade deverá ser arborizada até o final do ano e no final de abril haverá o mutirão de arborização no conjunto Padre Neefs e no loteamento São Pedro.


Antonio Tavares
Stúdio Rural - 08/04/07

A comunidade rural de Bom Jesus no município de Campo Grande - Apodi/RN está desenvolvendo um trabalho de arborização, numa ação desenvolvida pelo Projeto Dom Helder Câmara em parceria com entidades locais.

Segundo a assessoria de comunicação do Projeto Dom Helder Câmara, na comunidade, o projeto foi lançado no último dia 28 de março, quando foram distribuídas 150 mudas para 150 casas, contando com a mobilização de 90 famílias do local, que receberam assessoria técnica e ajudaram no processo, tanto enchendo saquinhos, quanto na distribuição das mudas.

A iniciativa, informou, partiu do Núcleo Sertão em parceira com o Projeto Dom Helder Camara, JUFLAC (Campo Grande), JUCEP (comunidade Morcego) e JOCAP (comunidade Bom Jesus), que promoveram um evento de inauguração. “A programação começou com a distribuição e o plantio das mudas de sombreamento, seguindo com uma palestra sobre o meio ambiente, a partir da Campanha da Fraternidade 2007, que trata da Amazônia e, por fim com a distribuição de lanches produzidos a partir das frutas da região”, justifica.

Para a técnica do Núcleo Sertão Verde, Lília Holanda, a comunidade provou que é organizada, quando se empenhou e se envolveu no processo de preparação das mudas e irrigação das plantinhas, mostrando que quando a comunidade se organiza é possível resolver os problemas com poucos investimentos e muita vontade, estando os parceiros e beneficiários, de parabéns.

A assessoria do PDHC informou que na opinião dos componentes da JUFLAC, é preciso fazer uma comparação da situação de devastação da Amazônia com a realidade em que vivem e para o integrante da igreja e do JUFLAC, Laécio Vieira, a comunidade tem que se integrar nos projetos sustentáveis e plantar árvores, não desmatando e não queimando a vegetação já existente.

Segundo a assessoria daquela entidade do MDA, a meta do projeto é de se expandir para toda zona urbana do município de Campo Grande, a partir de uma parceria que será feita com a EMATER RN e que, segundo os idealizadores do Projeto de Arborização, toda a cidade deverá ser arborizada até o final do ano e no final de abril haverá o mutirão de arborização no conjunto Padre Neefs e no loteamento São Pedro.

 

Antonio Tavares

Stúdio Rural - 08/04/07

   

Galeria de Imagens  

   
   
© Projeto Dom Helder Camara